A falta do que fazer. (Texto piloto)

Isso é só um teste, por favor não leia. Mas já que insiste, então tudo bem, sinta-se à vontade pra testemunhar a mais pura falta do que fazer. Talvez por isso desejei reativar isso aqui. Porque, sinceramente, ter blog até que é meio desnecessário. Daí veio a inspiração. Na verdade já participo ativamente do blog do Bahiazinho (linkado abaixo), mas sabe como é, todo mundo tem esse desejo reprimido de "carreira" solo que vem à tona de vez em quando. Além do mais, não sei se por lá me sentiria à vontade para disparar livremente a quantidade de merdas que me vêm a cabeça a cada segundo. Daí fica acertado o seguinte: Os textos de qualidade vão pra lá, e as porcarias, leseiras, divagações e tudo aquilo que não presta nem pra adubo, vem pra cá. Assim como esse "texto piloto". Vamos ver até quando isso vai durar.