Dupla Personalidade.

- Alô, senhora Lucióóóóla, por favor?
- Bom dia, sou eu, mas o nome é Lucíola, com acento no í.
- Não entendi, é Fabíola?
- Não. Lucíola.
- Como?
- Lucíola: éle, u, cê, i - acento agudo no i - o - ele - a.... igual a do livro... do José de Alencar...
- Aaahh, tá. Lucíola. Agora entendi. Nossa... er... "meio diferente" né?
- Não sei... deve ser... Já escuto esse nome há tanto tempo que pra mim ele é a coisa mais comum que existe.
- Mas é diferente, nunca conheci nenhuma Lucíola, nunca ouvi falar.
- Olha... faz o seguinte... Me chama de "Luci" que fica mais fácil, até mais amigável.
- Ah, ótimo, então tá.

E tem sido assim. Desde sempre. Duas pessoas diferentes e dois nomes numa só.

Nenhum comentário: