Tech-no-logic



Luci e seu amigo imaginário sentados numa lanchonete observando um sujeito se divertindo com seus brinquedinhos eletrônicos.

Amigo imaginário: - Olha lá, Luci, que legal o Notebook do cara. E o Iphone então? um "lusho"...

Luci
- Ai, destesto. Tem coisa mais poser que Iphone? Tem gente que tem essa mania né? Adora usar objetos assim pra compensar alguma coisa. Celulares, carros... Alguns homens fazem isso... Tipo: Meu "instrumento" é pequeno, mas meu carro é grande...

Amigo imaginário: - Mas são bem legais, você tem que admitir... AI MEO DEOS, não acredito que ele fez isso, Você viu? O camarada tirou a câmera digital da bolsa, tirou uma foto da tela do notebook, depois descarregou no próprio notebook. Isso em público!

Luci
- Tá vendo? o ilustre tá cheio de parafernálias eletrônicas mas nem sequer sabe pra quê serve a tecla printscreen...

Amigo imaginário:
- Ah, mas deixa ele se divertir, olha lá, é uma semi-profissional, você bem que queria uma daquelas...

Luci: - Querido mundo, podem enfiar seus brinquedinhos modernos no c*... Obrigadinha.


Baseado em fatos reais.

8 comentários:

Chantinon disse...

Hahah!
Eu tb tenho um amigo imaginário nessas horas. É o máximo ficar mentalizando criticas aos que estão por perto.
Mas o bom mesmo é quando tem gente de verdade e que tb curte isso de curtir com a cara dos outros :)

Escreve o que to falando... em uns 30 anos o mundo acaba, por falta de renovação, como naquele filmes que as mulheres de todo o planeta param de engravidar. Mas acho que a coisa tá bem para idiocracy, só os idiotas (pobres) fazem filhos hoje, quem tem grana tá comprando iphone e fazendo foto do próprio notebook...

Eita mundo doido.

Gy Camargo disse...

Um dia vamos pirar.
É muita informação, muitos símbolos tecnológicos de status.
Assistindo um programa desnecessário de humor, mas que todos assistem o ator disse uma frase que me cai bem:
- O número do meu celular? Não sei, eu não ligo pra mim!
Mas na realidade sou uma "ifoholic" pelo simples fato de ter uma letra horrível.
Sorte que os ladrões pensam que eu estou querendo "pagar uma de gatinha" com minha bolsinha de laptop.
Discreção é fundamental e até salva vidas!

Nica disse...

Eu também o-deio essas parafernalhas eletrônicas. Principalmente porque eu não posso comprar nenhuma delas. u_u

(o tio scott é o Scott F. Fitzgerald, mano véio, gente da melhor qualidade. e seu blógue também está linkadíssimo lá no grandz, que cabeça a minha!:>)

L. disse...

hahahahahah


Que hilárioooooo! Eu também tenho um amigo imaginário, mas ele é gay.( que saco!)
O da Luci é muito engraçado, e ela ( você?) é uma revoltada com a invasão do capitalismo , assim como eu...haha

Chantinon disse...

Meu Deus do céu! eu não acredito que teu blog não estava nos meus preferidos!!!
Vou resolver isso agora! :)

Chantinon disse...

Resolvido!

http://chantinon.blogspot.com/2008/11/corrigindo-injustias.html

Rodrigo Carreiro disse...

Essa maldita inclusão gera tanta bizarrice... Povo mal sabe falar e já quer usar um monte de buginganga!

André disse...

O bom é que seu amigo imaginário tem a opinião diferente da sua, dai vcs podem discutir vários assuntos, mas uma pergunta:
Seu amigo imaginário, sempre discorda de vc?

Gostei do comentário acima "e ela ( você?) é uma revoltada com a invasão do capitalismo"
E vc é mesmo? (outra pergunta)